Bono lidera campanha para fazer chegar vacina contra covid-19 a países mais pobres

Bono lidera campanha para fazer chegar vacina contra covid-19 a países mais pobres

Redacção

O vocalista dos U2 está entre os artistas que fazem parte de uma nova série animada intitulada Pandemica, criada para ajudar a fazer chegar vacinas contra a covid-19 aos países mais pobres do mundo.

«Além da animação e do humor subversivo, a Pandemica é o pior lugar para se estar», disse Bono Vox à Rolling Stone. «Embora a Pandemica possa não ser um lugar real, para biliões de pessoas é tudo muito real. As vacinas agora trazem a esperança de um caminho, mas não será uma saída a menos que todos os países do planeta tenham acesso suficiente às vacinas. Se a vacina não está em todos os lugares, então esta pandemia não vai a lugar nenhum».

Actualmente, menos de 1% das doses de vacina contra a covid-19 administradas globalmente foram para pessoas em países de baixo rendimento, enquanto alguns dos países mais ricos do mundo têm actualmente um excedente de doses. Uma análise publicada pela One em Fevereiro descobriu que países como os Estados Unidos, Reino Unido, Japão, Canadá, Austrália e os da União Europeia estavam a caminho de acumular mais de mil milhões de doses de vacinas, apesar de terem o suficiente para vacinar todas as suas populações.

A actriz Penélope Cruz e o actor David Oyelowo são outros nomes da arte envolvidos na campanha liderada pela organização One Campaign, em parceria com a Hive. A série, a cujo trailer podes assistir de seguida, foi ilustrada pelo artista Andrew Rae com animação de Titmouse e música e design sonoro de Father.

EGITANA