Bons Sons passa a ser anual

Bons Sons passa a ser anual

Tiago Varzim

Vais poder voltar a ouvir BONS SONS já este ano. A sexta edição do festival regressa a 13 de agosto e prolonga-se até dia 16 em Cem Soldos, Tomar, sob o lema “Vem viver a aldeia!”

Depois de cinco edições bienais, começadas em 2006, o “O Festival de música portuguesa” passa para uma periodicidade anual.
A confirmação foi dada hoje pela associação cultural Sport Clube Operário de Cem Soldos, organizadora do evento. O anúncio foi feito ontem, no convívio organizado pela associação para comemorar o 33º aniversário e para fazer um balanço da edição passada.

Segundo a nota de imprensa, “o BONS SONS’15 manterá a premissa anterior, demonstrando, uma vez mais, a vitalidade do panorama musical português, com um alinhamento musical inédito em Cem Soldos“, não existindo a repetição de nomes, garante a organização.

bonsons

Há novas parcerias e outras consolidadas: a Música Portuguesa a Gostar Dela Própria ficou encarregue pela programação musical da Igreja; Associação para o Estudo e Protecção do Gado Asinino pelas dinâmicas com os simpáticos burros de Miranda; a Associação Canto Firme pelas atividades musicais didácticas dirigidas a bébés e crianças; a Curtas em Flagrante pela mostra de curtas-metragens de língua portuguesa.

A arte contemporânea vai chegar às ruas de Cem Soldos pela mão da Walk&Talk, mas também vai haver “Conversa ao Correr das Músicas” com a investigadora Soraia Simões. Associação Cultural d’Orfeu vai promover o projecto OuTonalidades com a missão de incentivo à circulação da música ao vivo, e a Transforma promove o Laboratório para as Práticas Artísticas Contemporâneas.

Bons Sons em números
– 138 mil visitantes
– 121 concertos
– Em 2014, venceu o prémio Festival Mais Sustentável nos Portugal Festival Awards
– Impulsionou, direta ou indiretamente, um milhão de euros na economia de Tomar

Recorda aqui a entrevista com o diretor artístico do Festival Bons Sons, Luís Ferreira, feita em 2014:

EGITANA