Católica: Estudo Revela Importância dos Pais no Ensino Musical

Católica: Estudo Revela Importância dos Pais no Ensino Musical

Redacção

Investigação conduzida por investigadores da Faculdade de Educação e Psicologia avaliou factores que influenciam motivação dos alunos.

Quais são os fatores que influenciam a motivação dos alunos do ensino musical? Esta foi a questão central do estudo “Disentangling motivation within instrumental music learning: A systematic review“, desenvolvido por António Oliveira, Patrícia Oliveira-Silva e Luísa Mota Ribeiro, investigadores do Human Neurobehavioral Laboratory (HNL) do Centro de Estudos de Desenvolvimento Humano (CEDH) da Faculdade de Educação e Psicologia (FEP) da Universidade Católica Portuguesa, no Porto, em colaboração com Gary McPherson, da Universidade de Melbourne, na Austrália, e a investigadora Fabiana Ribeiro.

O artigo, publicado na revista internacional Music Education Research, revela, por exemplo, que o suporte parental no início dos estudos é fundamental para a formação de uma identidade musical. O estudo conclui, também, que os alunos com uma visão mais maleável acerca do conceito de talento são mais bem-sucedidos e, ainda, que os professores são um agente fundamental no desenvolvimento da autonomia e autorregulação.

Por ser um aspeto crucial para o sucesso escolar, a motivação tem sido, durante décadas, um assunto amplamente abordado em pesquisas científicas, especialmente quando se trata da aprendizagem na área da música. Actualmente, são várias as teorias que apontam para a influência de fatores como os contextos social e psicológico, o acompanhamento parental, a mentoria por parte dos professores, entre outros aspetos considerados determinantes para a motivação (ou falta dela) apresentada por um aluno, durante o seu percurso de aprendizagem de um instrumento musical.

Apesar de todas as teorias existentes, as conclusões sobre os fatores que influenciam a motivação carecem, ainda, de clareza. Foi com base nesta premissa que os investigadores decidiram avançar com uma revisão sistemática da literatura sobre a motivação de crianças e adolescentes para o estudo musical.

Procurou-se, assim, compreender como este assunto foi analisado, que teorias foram adotadas para enquadrar as investigações, que tipos de instrumentos foram elaborados ou adotados dentro das diferentes pesquisas e as conclusões documentadas. Refira-se que toda a revisão relatada no artigo faz parte de um estudo mais extenso que aborda os procedimentos de admissão em Conservatórios de Música.

Mais informações disponíveis aqui.

EGITANA