Dia Europeu das Línguas: concerto online com perto de 60 jovens músicos

Dia Europeu das Línguas: concerto online com perto de 60 jovens músicos

Redacção

O Dia Europeu das Línguas será comemorado de forma bastante diferente do que tem sido habitual, com um evento 100% digital e cujo ponto alto será a transmissão de um concerto da Orquestra e Orfeão do Colégio Militar, com perto de 60 jovens músicos, amanhã, dia 26 de Setembro.

Vivemos tempos atípicos e este concerto da Orquestra e Orfeão do Colégio Militar, como parte da celebração do Dia Europeu das Línguas, é tudo menos típico.

A AS quis por isso saber de que forma foi montado este espectáculo e, para o efeito, ouviu o maestro Ricardo Fernandes, que orientou o grupo de quase 60 jovens músicos, a partir de casa, de forma bem diferente da habitual, num trabalho “muito complicado” mas que, sublinha, vai valer a pena. “Foi, de facto, bastante difícil organizar este concerto. Deu muito mais trabalho que o normal. Os músicos estudaram as suas partes de forma individual, nas suas casas, e depois gravaram áudio e vídeo. Depois de recolhidas todas as actuações, eu fiz a montagem final“, refere o maestro.

Ricardo Fernandes salienta, no entanto, que o facto de os alunos terem estado grande parte do ano lectivo à distância, acabou por ser benéfico para a produção deste concerto. “As aulas, ao longo do ano, foram maioritariamente online, o que permitiu aos alunos ganharem competências na utilização destas ferramentas tecnológicas. Isso fez com que eles não tenham sentido tantas dificuldades no momento de fazer as gravações. Já tinham o processo mais ou menos mecanizado“, explica o maestro, que se diz muito satisfeito com o resultado final: “Acho que ficou muito bonito. As pessoas vão gostar“.

No concerto de amanhã, os perto de 60 jovens músicos da Orquestra e Orfeão do Colégio Militar – que fazem parte das actividades culturais de complemento curricular daquela instituição de ensino – vão interpretar seis temas: “Vejam Bem” (Zeca Afonso), “Para Os Braços Da Minha Mãe” (Pedro Abrunhosa), “Heal The World” (Michael Jackson), “We Are The World” (Michael Jackson e Lionel Richie), “Viva La Vida” (Coldplay) e “O Hino à Alegria” (Friedrich Schiller/Ludwig van Beethoven).

Este concerto especial pode ser visto amanhã, a partir das 16h30, neste link, no intervalo de outra das principais actividades do Dia Europeu da Língua – o speak dating, uma espécie de blind date da língua, em que os participantes aprendem a falar novas línguas em poucos minutos.

Esta actividade possibilita aos participantes o contacto com 15 línguas diferentes: alemão, checo, croata, finlandês, francês, galês, georgiano, húngaro, inglês, irlandês, italiano, luxemburguês, polaco e romeno, e ainda língua gestual portuguesa, com a participação de professores da Federação Portuguesa das Associações de Surdos. As inscrições podem ser efectuadas aqui.

Ao longo de todo o dia serão feitas apresentações sobre as línguas e os países da Europa por membros da EUNIC (rede constituída pelos Institutos Nacionais de Cultura e pelas Embaixadas da União Europeia) e haverá também actividades das escolas (maioritariamente do 3.º ciclo do ensino básico) ligadas às línguas, como leituras de obras literárias, música, apresentação de exposições e de trabalhos de fotografia, trabalhos de pesquisa realizados pelos alunos, tradução de poemas, etc.

O Dia Europeu das Línguas celebra-se a 26 de Setembro e foi instituído no Ano Europeu das Línguas em 2001, por iniciativa conjunta do Conselho da Europa e da Comissão Europeia, com o objectivo de celebrar e preservar a diversidade linguística como uma riqueza do património comum da Europa. As celebrações são promovidas pela Comissão Europeia, em parceria com a EUNIC.

 

EGITANA