Matosinhos em Jazz leva ao Porto grandes nomes do jazz nacional e internacional

Matosinhos em Jazz leva ao Porto grandes nomes do jazz nacional e internacional

Rodrigo Baptista

Salvador Sobral, Avishai Cohen e Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música ou Ricardo Toscano são alguns dos nomes que poderás ver e ouvir durante o mês de Julho em Matosinhos.

O festival decorre durante o mês de Julho, todos os sábados e domingos, com actuações às 18h, mesmo no Coreto em frente à CM Matosinhos.

O cartaz do Matosinhos em Jazz 2019 conta com Salvador Sobral, Avishai Cohen e Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, Ricardo Toscano, Joe Armon Jones, Orquestra Jazz Matosinhos convida Fay Claasen, Bruno Pernadas, Susana Santos Silva e Inês Pimenta. No mesmo espaço físico e temporal está patente uma exposição pública em que quatro artistas portugueses recriam capas icónicas do jazz mundial.

No fim-de-semana de arranque do festival, (dia 6) o saxofonista Ricardo Toscano é já um nome incontornável da história do jazz nacional. Apesar da tenra idade (25), o músico destaca-se há muitos anos pelo seu arrojo artístico e visão progressiva do jazz. Junto de elementos como João Pedro Coelho (piano), Romeu Tristão (contrabaixo) e João Lopes Pereira (bateria), o músico tem conquistado palcos e público por todo o país.

O pianista britânico Joe Armon Jones, que representa a nova cena jazz que nos invade a partir do Reino Unido tem sido destaque em todo o mundo, é peça fundamental dessa nova vaga (dia 13) e no dia seguinte (dia14) é a vez de Bruno Pernadas apresentar o seu multi-facetado trabalho musical com incursões várias a nível estilísticos que viajam do jazz ao afrobeat passando pela improvisação. No fim-de-semana de encerramento dos concertos no Coreto, o  Matosinhos em Jazz desafiou e Salvador Sobral aceitou. Um concerto em pleno Coreto no dia 20 de Julho para apresentar o mais recente trabalho “Paris, Lisboa”. No dia seguinte (dia 21) é a trompetista Susana Santos Silva actuar com uma formação que inclui saxofone alto, flauta, piano, contrabaixo e bateria.

A última noite do Festival fica a cargo de Avishai Cohen e da Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, levando ao palco da Praça Guilhermina Suggia uma das maiores lendas do jazz dos tempos modernos. An Evening With Avishai Cohen And Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música (dia 27) marca o enceramento de mais uma edição do Festival Matosinhos em Jazz

No mesmo jardim onde consta o palco do festival (Coreto), está patente uma exposição de artistas, ilustradores, designers e fotógrafo. Braulio Amado, Kruella D’Enfer, Catarina Glam Pedro MKK são os artistas convidados a recriar uma capa de um disco icónico do jazz mundial. O resultado das interpretações de cada um dos artistas fica exposto no Jardim Basílio Teles, junto à CM de Matosinhos, durante todo o mês de Julho. Entrada livre.

Em baixo podes consultar o cartaz com o resto da programação do festival.