Garbage Apontam o Dedo à Sociedade em “No Gods No Masters”

Garbage Apontam o Dedo à Sociedade em “No Gods No Masters”

Redacção

Os Garbage estão de volta com “No Gods No Masters”, a faixa que dá nome ao seu sétimo álbum e que fala de uma sociedade imaginária onde a ganância não corrompe o pensamento do ser humano.

Depois de, no final de Março, anunciarem a edição do primeiro álbum em cinco anos e partilharem o single “The Men Who Rule The World”, os Garbage voltam à carga com novo tema, No Gods No Masters”, a faixa título do disco que chega a 11 de Junho.

Shirley Manson revela que o single foi inspirado por uma visita a Santiago, Chile. «Estávamos a descer a rua e toda a cidade estava coberta de graffitis, todos os antigos museus e palácios. Fiquei chocada. Mas as pessoas bonitas com quem estava disseram: ‘Porque é que estás tão chocada? Estamos a protestar contra a morte de vidas humanas e estás mais chocada com o facto de bens, edifícios e monumentos terem sido danificados. Há seres humanos a ser feridos e é nisso que te deves concentrar’. Foi como uma bofetada na cara».

Colocada perante esse cenário, no momento de escrever a canção “No Gods No Masters”, a vocalista dos Garbage imaginou uma nova e melhor sociedade. «Todas estas pessoas têm mais valor do que um monumento aos comerciantes de escravos, mas não têm mais valor na consciência da sociedade, e penso que é diabólico e obsceno, e quero que o poder seja desmantelado, e que a sociedade seja reimaginada. Portanto, esta canção trata de reimaginar a nossa sociedade para o futuro, para os nossos filhos, e não cometer os mesmos erros vezes sem conta e permitir que a ganância corrompa o nosso pensamento».

Dispara o play para veres o vídeo de “No Gods No Masters”, o segundo single do sétimo álbum dos Garbage, com edição prevista para o próximo dia 11 de Junho.

EGITANA