Gibson Encerra Fábricas e Manda Funcionários para Casa

Gibson Encerra Fábricas e Manda Funcionários para Casa

Redacção

Devido à pandemia do coronavírus, a Gibson anunciou o encerramento temporário das suas fábricas nos Estados Unidos da América.

A Gibson encerrou as suas instalações principais em Nashville. A decisão surgiu no seguimento da ordem do Mayor da cidade, John Cooper, para serem encerrados todos os negócios não essenciais. A medida, estabelecida no dia 22 de Março, prevê manter o período de reclusão por mais 14 dias, para já. Além desta fábrica, a Gibson decidiu encerrar também as instalações de Bozeman, no Montana.

É na fábrica de Bozeman que está em produção, por exemplo, a primeira guitarra Made In USA da Epiphone após várias décadas, o modelo acústico Texan.

Em relação aos encerramentos, todos os empregados com contrato full time irão receber um pagamento de mil dólares por parte da empresa, para os auxiliar durante o período da pandemia.

«No estágio inicial desta situação infeliz e em constante desenvolvimento, decidimos assumir uma abordagem pró-activa e priorizar a segurança e saúde de toda a nossa equipa em todo o mundo. Estou orgulhoso pela forma como as nossas equipas responderam e agora vamos mudar o nosso foco para nos apoiarmos e ultrapassarmos isto juntos», referiu em comunicado o CEO James ‘JC’ Curleigh.

A equipa executiva da Gibson, localizada em Nashville irá trabalhar também a partir de casa.