Insólita Nova Foto de Robert Johnson Encontrada

Insólita Nova Foto de Robert Johnson Encontrada

Nero

Foi encontrada uma nova fotografia do lendário guitarrista Robert Johnson. Aquela que é apenas a terceira foto conhecida do bluesman foi escolhida para capa de um livro de memórias da sua meia-irmã.

O livro “Brother Robert: Growing Up With Robert Johnson” foi escrito pela sua irmã Annye C. Anderson, actualmente com 94 anos de idade, auxiliada pelo autor Preston Lauterbach. Supostamente, este livro de memórias irá dar uma nova luz sobre aquilo (pouco) que se sabe sobre a vida do lendário guitarrista do delta blues. Como cartão de visita, a capa possui aquela que se torna a terceira fotografia do músico.

Annye Anderson é uma das poucas pessoas vivas que privou com Johnson. O livro conta o seu percurso de vida, desde o nascimento ilegítimo às primeiras notas numa guitarra, ainda na infância, e até às poucas gravações que eternizaram o seu mito.

De acordo com a Vanity Fair, esta fotografia é uma versão dos anos 30 do século passado de uma cabine de fotos automáticas actual. Foi tirada em Memphis, quando Johnson estava pelos 26 ou 27 anos de vida.

Annye conta a história: «O local onde se tirou a foto ficava paredes meias com  Pee Wee, o bar onde o Sr. Handy escreveu os seus blues. Um dia, teria uns 10 ou 11 anos, fui até lá com a minha irmã Carrie e o meu irmão Robert. Lembro dele ir a tocar guitarra enquanto caminhámos. Chegavas lá, enfiavas uma moeda na ranhura, fechavas a cortina e estava feito. Não havia fotógrafo. Também tirei um retrato.

O meu irmão Robert entrou na cabine e tirou um par delas. Mantive a foto do meu irmão Robert numa arca que o meu pai tinha no corredor da nossa casa em Comas, onde vivíamos com a minha mãe após a morte do meu pai. Depois da minha mãe morrer não conseguimos levar tudo. Trouxe as minhas fotografias comigo, embrulhadas num lenço. Apenas levei alguns pertences para a casa da avó e avô Thompson. Quando me mudei para casa da minha irmã Charlyne, levei alguma mobília. Guardei esta foto, junto de outras, num cofre de cedro que comprei.

https://www.youtube.com/watch?v=ovPVzEwOy7QSempre tive este fotografia. Mostra o meu irmão Robert da forma que o recordo – sorridente, simpático e generoso. Não se parece com o homem das lendas, o homem descrito como um beberrão e um arruaceiro por pessoas que não o conheceram. Este é o meu irmão Robert».