Linda Martini, Manel Cruz e Bateu Matou, Entre Outros, no Cartaz da Festa do Avante! 2021

Linda Martini, Manel Cruz e Bateu Matou, Entre Outros, no Cartaz da Festa do Avante! 2021

Redacção

A Festa do Avante!, que se realiza este ano a 3, 4 e 5 de Setembro na Atalaia, Amora, Seixal, já divulgou o cartaz, composto integralmente por música portuguesa.

A organização da Festa do Avante! promete um vasto e diversificado programa que integra música, teatro e cinema, mas também desporto, artes plásticas, ciência, exposições, debates, apresentações de livros e onde não faltarão a gastronomia, os produtos regionais e o artesanato e muitos mais motivos de interesse. O Centenário do Partido Comunista Português, que se assinala este ano, terá uma forte expressão na Festa, sendo um elemento transversal na sua programação, merecendo particular relevo a exposição que no Espaço central lhe será dedicada.

A Festa do Avante! realiza-se no espaço de mais de 30 hectares junto à baía do Seixal e ao Tejo, com uma vasta cobertura arbórea. E são muitas as novidades. Um concerto de música sinfónica sobre “A Revolução na Arte e a Arte na Revolução”, comemorativo dos 100 anos do PCP. A exclusividade dada aos artistas portugueses, de língua portuguesa ou residentes em Portugal. Um aumento significativo de artistas convidados. A apresentação de muitos temas novos resultantes de discos lançados no último ano. Duetos improváveis, com parcerias de músicos pertencentes a distintas gerações e com carreiras feitas em diferentes áreas da música. Uma chegada em grande, ao espaço da Atalaia, da música de dança electrónica. Estes são alguns destaques dos espectáculos da Festa do Avante! 2021, a decorrer a 3, 4 e 5 de Setembro.

A organização voltou a convidar para o elenco do Palco 25 de Abril e do Auditório 1.º de Maio artistas com carreiras ligadas a Portugal, tal como fez o ano passado, para aumentar as possibilidades de oferta de trabalho a estes profissionais, que tem faltado por causa da pandemia. Para abranger ainda mais pessoas, a Festa do Avante! sugeriu a cada artista que convidasse outros artistas à sua escolha para entrarem no todo ou em parte da respectiva actuação. A larga adesão a esta proposta cria indirectamente um atractivo adicional aos espectáculos deste ano: «o público vai assistir, na grande maioria deles, a momentos raros, inéditos ou irrepetíveis.» Entre os nomes confirmados encontramos Linda Martini, A Garota Não, Bateu Matou, HMB convida Lena d’Água, Cabrita em conjunto com Stereossauro e Tó Trips, Manel Cruz convida Aldina Duarte, Paulo de Carvalho convida Mafalda Sacchetti e Marco Rodrigues, entre muitos outros que podes consultar em baixo.

Há ainda a considerar um momento especial de música africana, que envolve cinco artistas que se juntam num único espectáculo intitulado Ndapandula (que significa “obrigado”). Trata-se de um tributo ao músico Waldemar Bastos (1954-2020), um nome incontornável da música angolana, que envolve Aline Frazão, Sara Tavares, Mick Trovoada, Karyna Gomes e Toty Sa’med.

Ao todo, somando artistas principais com convidados, estão já alinhados 44 artistas portugueses, de língua portuguesa ou residentes em Portugal, no cartaz do Palco 25 de Abril e Auditório 1.º de Maio da Festa do Avante! 2021.

A pluralidade de géneros musicais é este ano reforçada (do jazz ao fado, inúmeros géneros estão contemplados) com a música techno ou electrónica para dança. E é uma presença de topo, logo com a DJ Violet (Inês Borges Coutinho), a única artista portuguesa que em Maio passado assinou o manifesto de 600 artistas de todo o mundo que, ao lado de nomes como Roger Waters ou os Rage Against the Machine, prestaram solidariedade com a luta do povo da Palestina. Violet é uma figura central da música de dança em Lisboa: é co-fundadora da rádio online Rádio Quântica e é também artista residente na mina – uma rave queer em espaços improváveis.

Para terminar, a organização lembra que desde os tempos das guerras napoleónicas até ao século XXI, o concerto sinfónico deste ano da Festa do Avante!, que celebra os 100 anos do PCP, desenha um percurso paralelo, com mais de dois séculos, entre movimentos revolucionários nos quais a arte musical se envolveu com as revoluções estéticas que a própria criação sonora concebeu. É esta ideia que serve de base ao tema do concerto: “A Revolução na Arte e a Arte na Revolução”, uma vez que vão ser apresentadas criações que, não estando directamente ligadas a movimentos políticos ou sociais, revolucionaram a história da música e, por outro lado, serão interpretadas criações de arte musical engajada, política e socialmente, que ficaram na história da humanidade e de Portugal.

A EP – Entrada Permanente – título de solidariedade para com a Festa do Avante!, já pode ser adquirida nos Centros de Trabalho do PCP e na ticketline.

CARTAZ

A Garota NÃO convida Ohmonizciente

Bateu Matou convida Héber e Pité

Brigada Victor Jara convida Zeca Medeiros

Cabrita convida Stereossauro e Tó Trips

Daniel Catarino convida Fast Eddie Nelson, Rapaz Improvisado e To Zé Bexiga

Daniel Pereira Cristo convida Carla Pires e Catarina Silva

HMB convida Lena d’Água

Manel Cruz convida Aldina Duarte

Paulo de Carvalho convida Mafalda Sacchetti e Marco Rodrigues

Paulo Flores convida Yuri da Cunha e Prodígio

Prétu Xullaji convida Scúru Fitchadú, Tristany e Cachupa Psicadélica

Tim convida Teresa Salgueiro

Budda Power Blues & Maria João

Duarte

Linda Martini

Pedro Jóia

Project CIRO

Teresinha Landeiro

Violet

EGITANA