Caixa Alfama: cartaz continua a crescer

Caixa Alfama: cartaz continua a crescer

Nuno Ribeiro

Depois de anunciados os primeiros nomes para o Caixa Alfama, novas confirmações se juntam ao cartaz da 3ª edição: Artur Batalha, Joana Amendoeira e João Ferreira Rosa.

Artur Batalha, fadista consagrado, está de volta ao Caixa Alfama. Ainda a televisão se fazia a duas cores, já este senhor «brilhava no seu estilo castiço e contagiante.» Muitas vezes conhecido por “Príncipe do Fado”, depois de há uns anos se ter afastado das cantorias, regressou em força para dar vida a um reportório rico e diversificado.

Nome forte dos novos e recomendáveis do Fado, Joana Amendoeira tem pouco mais de 30 anos de idade, mas há mais de uma década que a sua qualidade é merecedora dos melhores elogios. Desde 1998 que edita regularmente, apresentando-se pelo mundo fora com êxito e reconhecimento.

Imortalizado pelo Fado do “Embuçado”, João Ferreira Rosa canta o Fado mais tradicional, contando histórias de Lisboa, dos touros e das gentes.

O Caixa Alfama regressa pelo terceiro ano consecutivo, nos dias 18 e 19 de Setembro, ao mítico Bairro de Alfama, em Lisboa. António Chaínho e Convidados, Artur Batalha, Diana Vilarinho, Joana Amendoeira, João Ferreira Rosa, Marco Rodrigues e Raquel Tavares foram os primeiros nome confirmados para estes dias do Património Oral e Imaterial da Humanidade.

O bilhete único, tem o preço de 38€, passando a 45€ nos dias do Festival e deverá ser trocado pelo próprio por pulseira nas bilheteiras do festival sediadas no Museu do Fado, a partir de dia 17 de setembro. A pulseira dará acesso a todos os espaços do Festival até ao limite de lotação de cada um.

EGITANA