Músicos de Led Zeppelin, Pink Floyd ou The Who Pedem Reforma na Lei dos Royalties

Músicos de Led Zeppelin, Pink Floyd ou The Who Pedem Reforma na Lei dos Royalties

Redacção

Mais um capítulo na guerra aberta entre a classe artística e os serviços streaming. Músicos de bandas como Led Zeppelin, Pink Floyd e The Who, entre muitos outros, assinam carta em que pedem uma reforma na lei de distribuição de royalties.

Poucos dias depois de a Apple Music ter enviado uma carta a artistas e editoras a informar que paga o dobro do que paga o Spotify, os músicos ripostaram. Jimmy Page, Robert Plant e John Paul Jones (Led Zeppelin), Roger Daltrey (The Who), David Gilmour (Pink Floyd), Robert Fripp (King Crimson), Peter Gabriel, Paul McCartney, Stevie Nicks, entre muitos outros artistas, assinaram uma carta enviada ao primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, na qual pedem uma reforma profunda nas leis de pagamento de royalties das plataformas de streaming.

Segunda a carta, as leis de protecção aos direitos de autor dos artistas estão defasadas e não contemplam nem acompanham o actual momento da sociedade moderna. Há, defendem, a necessidade de novas leis que protejam a propriedade intelectual dos artistas.

A carta, que é assinada por dezenas de artistas, pode ser conferida a seguir:

EGITANA