“NOVA (pop)” é o novo álbum de Miguel Angelo

“NOVA (pop)” é o novo álbum de Miguel Angelo

Redacção

O novo álbum de Miguel Angelo, onde colabora com novos nomes da música portuguesa, entre os quais Filipe Sambado, Chinaskee, D’Alva e Surma, já está disponível para compra e audição.

“NOVA (POP)” é o conjunto de canções criadas e produzidas num exercício criativo que Miguel Angelo iniciou em 2019 com nomes meritórios da nova música nacional. Ao longo dos últimos meses fomos conhecendo o resultado dessas colaborações, bem como os vídeos que as ilustram. “NOVA” foi o primeiro single a ser apresentado e resulta da acção directa de Filipe Sambado e Chinaskee sobre demo de Miguel Angelo, que com liberdade total e autonomia participam nele e assinam a sua produção.

“AQUISTA” resulta da colaboração entre Miguel Angelo e Surma, no campo da composição e produção.  O ponto de partida foi um pequeno livro de Herman Hesse, ao qual o autor roubou o título e o ambiente de que necessitava para se inspirar. A experiência sonora em Aquista transporta-nos para uma dimensão hermética – ao mesmo tempo bela e delicada – numa assombração derivada da estadia de Hesse nas Termas de Baden, Suíça, no ano de 1923.

“QUIMERA” é o feliz resultado da colaboração de Miguel Angelo com os D’Alva. Com Ben Monteiro e Alex D’Alva Teixeira como timoneiros, “QUIMERA” é a viagem perfeita da pop que os une entre o passado, o presente e o futuro da música popular. Gravada entre os lendários estúdios dos Delfins (1 Só Céu, Cascais) e a cápsula do tempo dos D’Alva, as referências geracionais ondulam num puro groove pop que serve como base de uma das canções mais clássicas que o artista editou a solo. O vídeo é também ele uma viagem cromática ao espírito da Pop enquanto Art, filmado, realizado e editado por Edgar Keats, também autor da capa do single e disco (com o apoio à produção de A Outra Face da Lua).

Sobre estas colaborações Miguel Angelo afirma: «Não me via a fazer música com mais ninguém há muito tempo. Apenas por uma questão de princípio que é a estética, o gosto – sim essa coisa do gosto, que ainda defendo, coisa que fascina… Há agora um conjunto de músicos e artistas que são talvez a primeira geração da música portuguesa com a qual me identifico totalmente. Pelo que escrevem e dizem, tocam e vestem. E penso também que são a primeira geração que me aborda de uma forma honesta e despretensiosa.»

Miguel Angelo apresentará o “NOVA(pop)” a 18 de Novembro no Arena Live do Casino Lisboa, pelas 22h, entrada livre a partir dos 14 anos, e contará com a presença de todos os convidados deste disco.

No player em baixo podes ouvir o álbum da íntegra.