Óscares 2021: “Soul”, Trent Reznor e Atticus Ross Continuam a Coleccionar Prémios

Óscares 2021: “Soul”, Trent Reznor e Atticus Ross Continuam a Coleccionar Prémios

Redacção

“Soul”, com música de Trent Reznor, Atticus Ross e Jon Batiste, recebeu o Óscar de melhor banda sonora original na edição 93 dos prémios da academia norte-americana de cinema.

Quais coleccionadores de prémios, depois do Globo de Ouro recebido em Março, agora foi a vez da dupla dos Nine Inch Nails Trent Reznor e Atticus Ross e ainda do pianista Jon Batiste ganharem um Óscar na 93.ª edição de entrega dos prémios da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos. O filme “Soul” recebeu o prémio para melhor banda sonora original, ficando assim à frente dos outro nomeados James Newton Howard, por “News of the World” (foi a sua nona nomeação), Terence Blanchard, por “Da 5 Bloods”, e Emile Mosseri, responsável pela banda sonora de “Minari”.

A dupla Trent Reznor e Atticus Ross estava também nomeada por “Mank”, cuja banda sonora também compuseram. Refira-se ainda que a banda sonora de “Minari” envolvia igualmente a clarinetista portuguesa Virgínia Figueiredo, que vive em Los Angeles, tendo sido uma das artistas que gravou música para o filme realizado por Lee Isaac Chung.

O Óscar de Melhor Canção foi para H.E.R., Dernst Emile II e Tiara Thomas, por “Fight For You”, do filme “Judas and the Black Messiah”, realizado por Shaka King. O galardão de Melhor Montagem de Som foi para “Sound of Metal”, do dinamarquês Mikkel E. G. Nielsen.

“Nomadland – Sobreviver na América” recebeu a estatueta de Melhor Filme, tendo ainda arrecadado os prémios de Melhor Realização para Chloé Zhao e de Melhor Actriz para Frances McDormand.

EGITANA