“The Lives Of Brian”, Autobiografia do Vocalista dos AC/DC Chega em Outubro

“The Lives Of Brian”, Autobiografia do Vocalista dos AC/DC Chega em Outubro

Redacção

O lendário frontman dos AC/DC vai publicar a sua tão esperada autobiografia, “The Lives Of Brian”, a 26 de Outubro.

Brian Johnson juntou-se aos AC/DC em 1980 após a morte do anterior vocalista Bon Scott. E o primeiro álbum em que Johnson participou foi nada mais nada menos do que “Back In Black”, que passou logo a ser o álbum de rock mais vendido de todos os tempos. Mas nem tudo foram rosas.

Após um quarto de século de álbuns e digressões de sucesso, Brian Johnson foi forçado a abandonar a banda em 2016 depois de lhe ter sido diagnosticada perda de audição – tendo sido substituído na digressão “Rock Or Bust” por Axl Rose. Felizmente, faria um regresso triunfal em Novembro de 2020 com o lançamento de “Power Up“, que chegou ao topo das vendas em 21 países, incluindo Portugal.

Piloto de automóveis de corrida de sucesso, Brian Johnson – aclamado recentemente como apresentador carismático dos programas de televisão “Cars That Rock With Brian Johnson” e “Brian Johnson: A Life Of The Road” – é filho de um veterano da II Guerra Mundial e de uma mãe italiana, tendo crescido em Newcastle Upon Tyne, Inglaterra, uma cidade operária.

Desde pequeno que Johnson demonstrou ter inclinação para a música, tendo feito parte, inclusivamente, do coro da igreja. No início dos anos 1970, actuou com a banda Geordie. Depois, em 1980, tudo mudou. Bon Scott, o vocalista e letrista da banda de rock AC/DC, morreu. Tinha 33 anos. A banda fez uma audição a cantores, entre eles Johnson, que o próprio Scott tinha visto actuar. Em poucos dias, Johnson estava num estúdio com a banda, trabalhando com os membros fundadores Angus e Malcolm Young, Cliff Williams e Phil Rudd, juntamente com o produtor Mutt Lange.

Quando o álbum “Back In Black” foi lançado em Julho daquele ano – apenas três meses depois de Johnson se ter juntado à banda – foi a explosão total, vendendo 50 milhões de cópias em todo o mundo e desencadeando uma digressão mundial que durou anos, mudando a face da música rock – e da vida de Johnson – para sempre.

“The Lives Of Brian” será publicado no Reino Unido pela Penguin Michael Joseph, uma divisão da Penguin Random House, através do director editorial Rowland White. Será publicado simultaneamente nos EUA pela Dey Street Books. Ainda não se sabe se terá edição portuguesa. Vamos fazer figas!

the lives of brian

EGITANA