Zakk Wylde Fora do Novo Álbum de Ozzy

Zakk Wylde Fora do Novo Álbum de Ozzy

Nero
André Henriques

O shredder Zakk Wylde afirma que não tem absolutamente nenhum envolvimento no próximo álbum de Ozzy Osbourne.

Recentemente, Ozzy Osbourne ofereceu os seus dotes vocais, como músico convidado, ao tema “Take What You Want”, de Post Malone. Essa sessão orientada pelo produtor Andrew Warr levou à gravação daquele que será o 12º álbum a solo do Princípe das Trevas. Mais, Ozzy afirmou que este era o seu melhor álbum de sempre. Uma coisa é certa, Zakk Wylde não está envolvido no disco.

Numa entrevista no “The Cassius Morris Show” (áudio no final do artigo), Wylde foi questionado se desempenhou algum papel nas essões de gravação do próximo álbum de Ozzy.

«Não, não – não fizemos nada a esse repeito. O Ozz apenas tocou copm alguns dos seus amigos. E disse-me algo como ‘Hei, Zakk, acabei por gravar algum desse material’ ou assim e respondi-lhe ‘Boa, Ozz’. Aquela cena com o Post Malone que ouvi estava altamente. O Post veio a um concerto de Black Label, para aí há meio ano, antes da cena com o Ozzy. Apareceu e meteu-se comigo ‘Hey Zakk, tudo bem?’ É um tipo à maneira. Quando ouvi a canção, o Ozzy soa muito bem nela. Mas não, não tenho nada que ver com essas coisas que o Ozzy gravou».

O guitarrista admitiu que muita gente esperava vê-lo entre os músicos do novo álbum, mas garantiu que não há qualquer constrangimento por isso não suceder e que pode sempre gravar um outro álbum com o lendário vocalista dos Black Sabbath.

O último álbum que Ozzy editou foi “Scream”, em 2010. Entretanto, além da reunião com os Sabbath, encetou a segunda versão da famosa “No More Tours”, passando em Lisboa com Zakk Wylde a acompanhá-lo, para um concertão na Altice Arena. A digressão acabou por ser interrompida, devido a problemas de saúde de Osbourne. Wylde também comentou a condição física de Ozzy.

«Estive com ele há poucos dias. Ele esteve no casamento da minha filha. Ainda está na fisioterapia e tudo isso. Obviamente, queríamos retomar já os concertos, mas o médico disse ‘Não, não estás pronto para te meteres a fazer isso’». O guitarrista referiu que não há pressa, quando Ozzy decidir que está fino, avançam com as datas e acredita que os fãs irão esgotá-las na mesma.