10 razões para ires ao Marés Vivas

10 razões para ires ao Marés Vivas

Redacção

O Marés Vivas é um festival que se realiza em Vila Nova de Gaia, na foz do Douro, nos dias 18, 19 e 20 de Julho e que conta com a Arte Sonora como parceira! Este ano o cartaz é composto por nomes como The Smashing Pumpkins, Bush, La Roux, 30 Seconds To Mars, David Guetta, Klaxons, Rui Veloso, entre outros.

É uma espécie de Sudoeste da zona norte, com a vantagem de se estar perto das comodidades urbanas e não se levar com tanto pó, calor infernal e gandulagem barulhenta que só te deixa dormir às 9 da manhã.

Com uma deslumbrante vista sobre o Douro e a cidade do Porto, o ambiente do festival torna-se muito agradável e fresquinho com o rio logo ali ao lado. As portas abrem às 17h e os concertos começam depois. Se não és da zona do Porto, tens uma manhã e quase uma tarde para ficar a conhecer os cantos e encantos desta fantástica cidade.

Se és do norte e tens muito orgulho nisso, “oublá”, já reparaste que há muitas actuações de bandas e artistas nortenhas: Rui Veloso, We Trust, Throes + The Shine, The Glockenwise e Marta Ren.

 Os The Smashing Pumpkins já não tocam no Porto há 13 anos, por isso, para os fãs nortenhos mais preguiçosos, esta será uma bela oportunidade para ver a banda.

És um aficcionado da Fender? Sabes quem é que são patrocinados pela marca? É isso mesmo, Billy Corgan e Nicole Fiorentino. O vocalista e guitarrista da banda tem uma Stratocaster de assinatura bem bonita, preta e branca, assim bem ao estilo dos The Smashing Pumpkins. E a baixista toca com um Precision Bass.

Se és fã dos 30 Seconds to Mars provavelmente sabes isto, mas eles lançaram um álbum recentemente, “Love Lust Faith + Dreams”, e vão tocar muitas músicas do novo álbum.

Quem também tem um novo álbum são os californianos Beware of the Darkness, sendo a primeira vez que vão tocar em Portugal, será um bom presente ver este trio. Acreditem, eles são magrinhos mas o rock é musculado.

Se gostas de Rui Veloso, haverá concerto mais especial do que um com o artista a tocar nas margens do Douro com a invicta “nesse timbre pardacento” por trás?

Os bilhetes custam 60 euros, o que, convenhamos, para a quantidade e qualidade de bandas é um preço bem simpático.

10º Se achavas que os nomes que já dissemos eram suficientes, então topa só mais estes: James Morrison, Orelha Negra, Virgem Suta, Márcia, The Happy Mess e Ultraleve. A Arte Sonora tem 8 bilhetes diários para oferecer e 10 passes. Irão ser anunciados novos passatempos.

FENDER