Behringer MonoPoly Clona Synth Raro da Korg

Behringer MonoPoly Clona Synth Raro da Korg

Nero

O novo clone da Behringer leva-nos de volta ao futuro, no início dos anos 80, época do breve reinado do Korg Mono/Poly.

A clonagem tem dado bons resultados na Behringer, que granjeou aclamação recentemente através de unidades como o TD-3 ou o Poly D. Agora, a marca vai clonar o Korg Mono/Poly. Esta lendária e raríssima unidade esteve em produção apenas durante três anos, entre 1981 e 1984. Hoje em dia a sua sonoridade é indistinta da dos MGMT, por exemplo.

A Behringer diz que o seu clone é «o MonoPoly para o século XXI», mas mantém-se extremamente próxima da unidade original. O novo synth possui quatro VCO (cada um com escolha de quatro formas de onda), filtro vintage 24db, envelope filter e envelopes VCA ADSR e dois LFO analógicos. O MonoPoly pode ser operado em modo monofónico, uníssono ou polifónico. O seu design parafónico permite a execução simultânea de um máximo de quatro notas.

Também está disponível a funcionalidade Chord, que permite disparar acordes completos a partir de uma nota singular. O MonoPoly contém opções PWM e detune, além de uma secção de efeitos com capacidades de sincronização de osciladores e modulação cruzada. Tal como na unidade original, o circuito inclui um arpeggiator.

No painel posterior há possibilidade de conectividade CV e triggers, além de várias entradas MIDI. O MonoPoly possui 37 teclas de tamanho completo e o seu painel pode ser disposto em três ângulos diferentes ou em linha horizontal. A Behringer ainda não confirmou data de lançamento nem preço.