Fender Custom Shop Ajuda Roadies sem Trabalho

Fender Custom Shop Ajuda Roadies sem Trabalho

Nero

Luthiers da Fender Custom Shop, em equipas de dois, criaram cinco modelos especiais e exclusivos para angariar dinheiro para um fundo solidário com as equipas de profissionais que trabalham na produção de concertos e festivais. Foram também reunidos alguns modelos de assinatura especialmente autografados pelos artistas.

A Fender revelou cinco instrumentos singulares criados pelos Master Builder da sua Custom Shop, além de ter reunido um número limitado e exclusivo de modelos Fender Signature Artists autografados que estarão à venda no Reverb.

As receitas vão reverter para o fundo Crew Nation – iniciativa global da Live Nation que visa auxiliar as equipas de roadies afectadas pela crise provocada pela pandemia. Podem visitar todos os instrumentos em Official Fender x Crew Nation Reverb Shop, mas damo-vos aqui um preview de cada um deles.

No que respeita às guitarras Masterbuilt Custom Shop, foram construídas em equipas de dois luthiers nas oficinas californianas da marca. Este tipo de colaboração é absolutamente inédito. Cada neck plate terá gravado um logo que revela esta singular iniciativa. Cada para de Master Builders também assina a face posterior do headstock da guitarra em que trabalhou.

Já os instrumentos autografados pelos artistas são os seguintes: Eric Clapton Stratocaster em Pewter; Flea Signature Active Jazz Bass em Shell Pink; Tom Morello Stratocaster; Duff McKagan Deluxe Precision Bass em Black; Brad Paisley Road Worn Telecaster; American Professional Stratocaster, autografada por Jeff Beck.

Os modelos criados especificamente para esta iniciativa são, com as suas principais características resumidas, os seguintes:

Yuriy Shishkov & Kyle McMillan: Fender Crew Nation Tele | Recorrendo a uma reserva de madeira exótica, guardada para ocasiões especiais, Kyle McMillan e Yuriy Shishkov executaram cada elemento e detalhe com enorme minúcia. Aliás, um traço característico de Shishkov que criou o artwork para o corpo, o qual está interligado com o headstock Strat através dos inlays prateados em forma de coração e flores, para representar a solidariedade da Fender com esses agentes musicais mundo fora. O corpo é composto por dois blocos de ash, com tampo redwood burl, também gravado por inlays e com diamantes incrustados. O acabamento é um nitro lacado NOS. O braço é uma peça AAA birdseye maple com perfil “C”e escala 9.5” com trastes médio-jumbo. Os PUs são Josefina Campos.

Jason Smith & Dennis Galuszka: Fender Crew Nation Tamo Strat | Esta guitarra recorre a uma das últimas peças de tamo ash que restam na fábrica de Corona e, em conjunto com o braço figurado em maple e os pickups “Josefina”, dá enorme elegância ao instrumento, visual e sónica. O corpo em ash possui câmaras de ressonância e o tampo em tamo ash, com acabamento lacado NOS. O braço AAAA flame-maple possui escala flat-lam AAAA maple 9.5″ e 21 trastes rasos. PUs Josefina Campos ’60s Strat com inversão de bobinagem/inversão de polaridade no pickup do meio. Alternador de cinco posições e circuito Vintage Modified #2. Custom Classic Strat tremolo.

Ron Thorn & Paul Waller: Fender Crew Nation Korina Strat | A guitarra recorre a uma peça de korina que Ron Thorn tinha no seu stock privado e foi usado para o corpo. O acabamento é lacado NOS Walnut Burst. O braço também em korina é quartersawn e possui perfil oval “U” da década de 60. Escala flat-lam em ébano Macassar com raio de 12” e 21 trastes médio-jumbo. Surpreendentemente, os pickups são Abigail Ybarra, estes faziam parte da reserva pessoal de Paul Waller e são Fat ’50s. Alternador de cinco posições e circuito Vintage Modified #2. A ponte RSD Strat com espaço mais reduzido.

Greg Fessler & Dale Wilson: Fender Crew Nation 2 Tone Tele | Dale Wilson e Greg Fessler servem-nos uma Tele simples e diferenciada com corpo em dois blocos de ash e acabamento lacado Journeyman Relic. O braço é uma peça única flat-sawn maple com perfil ’52 “U”, escala 9.5″ com 21 trastes médio-jumbo. Pickups “Josefina” Twisted Tele com alternador de três posições e circuito moderno. Digam lá que não gostam de bife e batatas fritas…

Todd Krause & Carlos Lopez: Fender Crew Nation ’56 Strat | Um modelo Strat simpels também, com a combinação favorita de Krause, corpo em ash e braço em peça singular de maple. A cor é inspirada numa 12 cordas que Lopez construiu para uma edição passada da exibição Fender Custom Shop tradicional na NAMM. O braço é quartersawn com perfil 10/’56 “V” e escala 9.5″ com 21 trastes médio-jumbo. PUs “Josefina” com alternador de cinco posições e circuito moderno. American Vintage Strat tremolo. Tal como os outros quatro modelos, esta guitarra vem acompanhada de luxuoso estojo rígido e certificado de autenticidade.


Enfrentamos tempos de incerteza e a imprensa não é excepção. Ainda mais a imprensa musical que, como tantos outros, vê o seu sector sofrer com a paralisação imposta pelas medidas de combate à pandemia. Uns são filhos e outros enteados. A AS não vai ter direito a um tostão dos infames 15 milhões de publicidade institucional. Também não nos sentimos confortáveis em pedir doações a quem nos lê. A forma de nos ajudarem é considerarem desbloquear os inibidores de publicidade no nosso website e, se gostam dos nossos conteúdos, comprarem um dos nossos exemplares impressos, através da nossa LOJA.