Summer NAMM 2019: Fender Custom Shop

Summer NAMM 2019: Fender Custom Shop

Redacção

A colecção de meia-época da Fender Custom Shop inclui dois estupendos modelos de assinatura, com as homenagens a Phil Lynott e aos 50 anos dos Thin Lizzy e a Stevie Ray Vaughan.

A Fender aproveitou a Summer NAMM para apresentar a colecção Custom Shop de meia-época. E os destaques vão para os modelos de assinatura de Phil Lynott, lendário baixista e fundados dos Thin Lizzy, e do não menos mítico Stevie Ray Vaughan. Não são instrumentos baratos, como seria de esperar de modelos Custom Shop, mas são fulminantes!

O que mais nos cativa é, precisamente, o Phil Lynott Precision Bass. O instrumento serve também como homenagem a duas efemérides: o 50º aniversário da fundação dos Thin Lizzy e aquele que seria o 70º aniversário de Lynott que nasceu a 20 de Agosto. A marca examinou a fundo o Precision original do músico irlandês e recriou-o e à sua resposta sonora de forma minuciosa, incluindo detalhes como o pickguard e ponte espelhados do original. O instrumento surge acompanhado de alguns extras deliciosos, tais como uma correia, bracelete e óculos de sol similares aos de Lynott ou a caixa personalizada com o logo dos Thin Lizzy (abrir a galeria para ver as imagens).

Depois temos uma nova assinatura de Stevie Ray Vaughan, a Signature Stratocaster Relic. Uma nova versão “envelhecida” da já existente NOS SRV Custom Shop, que inclui um corpo alder em duas peças, com o acabamento relic lacquer em Faded 3-Color Sunburst. A guitarra possui um trio de pickups Custom Shop Hand-Wound Texas Special. Destaque também para a presença correctíssima do tremolo sincronizado vintage para canhotos.

MID-COLLECTION

Além destas duas assinaturas, há quatro novos deslumbrantes modelos Custom Shop em estreia (estarão disponíveis durante um ano, até Julho de 2020): A Roasted Poblano Strat Relic, que tresanda aos 60s e possui pickups Josefina Campos’ Poblano; a ’55 Dual Mag Stratocaster em acabamento Journeyman Relic, fiagens Strat 1/2 Blender e circuito Greasebucket; a Vibra Tele Heavy Relic, a evocar as modificações de uma Tele da década de 50, com tremolo Bigsby e configuração HS; e, por último, a Paisley Jazzmaster Journeyman Relic, disponível nos designs Paisley em negro ou rosa, com pickups bobinados artesanalmente e ponte RSD Jazzmaster.

Abre a galeria de imagens para ver os modelos. No player de vídeo, no fundo do artigo, podes ver outros acabamentos e ouvir o som destas guitarras.

Mais detalhes sobre os instrumentos na Fender Custom Shop.