Pedais Fender, Autumn Collection 2019

Pedais Fender, Autumn Collection 2019

Nero

A família de pedais Fender continua a crescer. Acabam de estrear seis novos modelos, incluindo um para acústica. Uma vez mais, com o dedo de Stan Cotey.

Foi em 2018 que a Fender abraçou de modo mais sério o mundo dos pedais de efeitos. Os novos designs foram criados partindo da opinião de músicos de sessão (ao vivo ou em estúdio), entrevistados por Stan Cotey, Vice-Presidente do departamento de inovação de produtos da Fender. O engenheiro conta com uma carreira de mais de 30 anos no mundo do áudio profissional (12 deles na marca californiana), tendo sido determinante na criação do primeiro amp de sempre com a assinatura de Eric Clapton, além de ter contribuído no design de vários amps valvulados e digitais da marca.

Já este ano, na Winter NAMM, surgiu uma nova remessa de unidades, incluindo os modelos Bubbler Chorus, Lost Highway Phaser, MTG Tube Distortion, Downtown Express, Tre-Verb e o The Pinwheel.

No final de Outubro, chegaram mais seis pedais. Os novos modelos são dedicados aos efeitos de distorção, modulação e ambiência, destacando-se o MTG:LA e o Smoulder Acoustic OD, especificamente criado para instrumentos acústicos. Vejamos as características principais de cada uma das stompboxes.

fender pour over envelope filter

POUR OVER ENV FILTER | Oferece controlo dinâmico com um circuito de distorção integrado, para acrescentar outra dimensão a este efeito clássico para o funk. Há controlos de profundidade para os tipos de filtro e para o direcionamento do sweep.

fender reflecting pool reverb pedal

REFLECTING POOL | Este reverb/delay possui um extenso conjunto de parâmetros para definir vários ambientes sonoros. Há três tipologias de reverb no circuito, além de grande variedade rítmica na configuração do delay.

fender smolder acoustic od pedal

SMOLDER ACOUSTIC OD | Desenvolvido para poder atenuar o som algo plástico dos pickups de uma guitarra acústica, através do botão Pickup Comp. Além do EQ também podem dar alguma distorção ao som através do Drive.

fender compugilist pedal

COMPUGILIST | O seu nome é auto-descritivo. Pedal de dupla personalidade e controlos super simples para acrescentar um carácter vintage ao som da guitarra ou dar-lhe uma tremenda força de ataque, com distorção high-gain.

fender the trapper fuzz pedal

THE TRAPPER | Um pedal fuzz com dois circuitos bem discretos. Um possui um carácter bastante subtil, com switch para uma oitava acima. O outro é uma besta mais pesada, com noise gate interactivo.

fender mtg la pedal

MTG:LA | Por fim, o segundo take ao MGT. Este pedal de distorção valvulado tem como núcleo uma válvula de pré “old stock”, para fazer rugir o som de frente. Tem várias soluções de definição, através dos controlos EQ e do boost activado por switch.

No player em baixo, vídeo demonstrativo de cada um dos pedais e algumas combinações. Mais detalhes, specs e preços na Fender.