Glow Headphones: os auriculares que brilham

Glow Headphones: os auriculares que brilham

Tiago Varzim

Não é magia, é o futuro: podemos encaixar os “Glow Headphones” na categoria dos wearables, algo muito em voga hoje em dia. São os primeiros auriculares com lasers por dentro, tornando possível “transmitir” a batida da música ou do coração para a luz emitida.

Não são apenas uns headphones. São, no fundo, uma experiência onde a interactividade é protagonista. Estes auriculares construídos pela Glow têm luzes LED, são flexíveis e possuem lasers capazes de, em sincronização com outras tecnologias, transmitir a batida de uma música para a luz emitida através de vibrações. Aqui é o ritmo da música que dita o destino dos finos fios.

Headphones

A ideia surgiu dentro da Google, uma das empresas envolvidas no desenvolvimento desta tecnologia, na mente de Zi Wang, um dos funcionários do marketing do motor de busca. Wang apercebeu-se que a maior parte dos acessórios de áudio desenvolvidos actualmente eram destinados para os produtos da Apple, com o sistema operativo iOS, e, por isso, decidiu criar a Glow para Android, uma falha que havia no mercado, considerou. Estes headphones permitem ao utilizador controlar o volume, atender a chamadas e activar o controlo de voz (Google Now), outra das tecnologias do futuro (ou já do presente). Até vais poder mandar mensagens ou tirar fotografias através dos botões destes auriculares.

Glow Headphones

Quanto à qualidade de som, a Glow Headphones está a trabalhar com a empresa Knowles conhecida por trabalhar com produtos de qualidade elevada de áudio, como a Sennheiser. Por isso, estes novos auriculares não devem descurar a qualidade do áudio, apesar das tecnologias paralelas que os tornam especiais. Tudo para a experiência auditiva seja cada vez melhor. Mas este serviço premium tem um custo: à partida o preço deverá situar-se entre os 150 e 200 dólares.

A empresa construiu o protótipo, mas recentemente abriu uma campanha na Kickstarter para levar o produto para o mercado.  Falta cerca de um mês para a campanha na Kickstarter terminar: a empresa deve chegar ao quádruplo do valor que pedir inicialmente (100 mil dólares), graças à ajuda de quase dois mil investidores.

Glow Headphones

Nota: A Glow Headphones está neste momento a trabalhar com a Google (Google Fit), Android (Smartphones), Corning e Knowles (áudio) para melhorar o produto tecnológico. A empresa pretende também detectar a pulsação com sensores na ponta dos auriculares, quando estes estão em contacto com o ouvido.  Até chegaram a esse objectivo ainda precisam de um milhão de dólares em investimento.

EGITANA