Music Studio

Timóteo Azevedo

O austríaco Alexander Gross desenvolveu uma aplicação para aparelhos iOS que alargou a oferta de estúdio de bolso, a Music Studio. A aplicação foi desenvolvida para o iPhone e para o iPad, e já está disponível na sua versão 2.0.

A Music Studio permite escolher entre 65 instrumentos emulados que abarcam vários estilos musicais. As amostras de cada instrumento foram gravadas a 44kHz e 16bit, com a maioria a apresentar a função de sustenção constante da nota tocada. Para além dos 65 instrumentos incluídos no programa em si, é possível descarregar mais 60 instrumentos, dividos pelas classificações de Classical, Band, Electronic e World. Instrumentos de arco, teclados, guitarras eléctricas, baixos, baterias, sintetizadores ou flautas são alguns dos exemplos das emulações disponíveis.

A aplicação tem várias secções para diferentes tarefas, e abarca desde a composição à edição das produções. Estas secções dividem-se em teclado, pads, editor de faixas e de compassos, editor de áudio, editor de piano roll e de efeitos em tempo real.

O teclado oferece um total de 85 teclas com 5 toques simultâneos no iPhone e 10 toques no iPad. É possível fazer mostrar dois teclados no ecrã do aparelho, e a cada um assignar um instrumento diferente. Também temos a possibilidade de definir botões específicos para tocar acordes, assim como programar os parâmetros de cada acorde. Nesta secção encontramos ainda controlos de expressão para a altura das notas e o efeitos dos filtros, assim como o botão para gravar a nossa performance. A gravação de loops também é possível a partir desta secção. Encontramos ainda um metrônomo totalmente programável.

Na secção de pads podemos aceder aos samples de percussão e aos padrões de ritmo. As pads funcionam não só como drum pads mas também como pads de acordes no caso de estarmos a trabalhar com um instrumento cromático. Podem ser adicionadas até um total de 36 pads, cuja ordem pode ser livremente rearranjada. Nas pads de acordes é possível configurar a qualidade do acorde, inversões, oitavas e tonalidades. A sensibilidade da velocidade de resposta dos pads também é configurável.

No editor de faixas é possível definir o tipo de compasso e o tempo da composição, assim como adicionar, duplicar e apagar faixas. Cada faixa pode suportar qualquer um dos instrumentos, podendo-se definir o volume, a panorâmica e a definição do barramento dos efeitos. As funções de mute e solo também estão disponíveis. Relativamente aos compassos, é possível gravar apenas um trecho e depois duplicá-lo quanto se desejar, assim como duplicar padrões para outras faixas e transpôr determinadas notas. É ainda possível inserir compassos vazios em qualquer parte da composição em que se está a trabalhar.

As ferramentas de edição áudio (ilustradas no início) incluem a capacidade de cortar e aparar, normalizar ou alterar o volume, inverter a reprodução, inserir silêncios e definir fade in’s e fade out’s com três tipos de curvas diferentes.

No editor piano roll podemos inserir ou alterar as notas MIDI. Definições possíveis incluem a duração de várias notas ao mesmo tempo, a duplicação de trechos e a velocidade de ataque e libertação de determinada nota.

O controlo em tempo real dos efeitos permite acrescentar alguma cor extra à música. Estão disponíveis efeitos como vários tipos de reverberação, delay, eco, um equalizador de 3 bandas, um filtro de ressonância, um emulador de amplificador com dois tipos de overdrive e controlo de altura. O controlo do filtro de ressonância é feita através de acelerómetro óptico, deslizando-se o dedo sobre o ecrã do aparelho. Por seu lado, as alterações de timbre são feitas inclinando fisicamente o aparelho.

A aplicação Music Studio suporta tanto a importação como a exportação de MIDI, que podemos a criar ou editar num DAW externo. Também suporta a exportação áudio em formato WAV, a 44kHz de 16bit em estéreo. Além disso, tem uma função de auto-save permite recomeçar do ponto em que parámos. A função undo é extensível a todas as secções da aplicação.

É possível transferir ficheiros por WiFi do computador para a aplicação e vice-versa, assim como partilhá-los através do iTunes. A Music Studio também apresenta compatibilidade com outros instrumentos e aparelhos externos como o Line 6  MIDI Mobilizer, o Akai SynthStation 25, AmpliTube iRig, iRig Mic, Amplikit Link, Apogee Jam e o Alesis IO Dock (apenas para o iPad). É ainda compatível com os protocolos iConnectMIDI e aparelhos Core MIDI.

Encontra-se disponível para download na iTunes App Store, onde também podemos encontrar uma versão Lite gratuita para experimentarmos a Music Studio antes de decidirmos aquirí-la.

Encontra mais informação sobre outras aplicações na Arte Sonora #26!

   

EGITANA