Novos Pedais Limitados e Promocionais do Filme “The Pedal Movie”

Novos Pedais Limitados e Promocionais do Filme “The Pedal Movie”

Nero

O documentário produzido pela Reverb.com está finalmente pronto e irá estrear em Março ou Abril de 2021. A Walrus Audio, a Way Huge e a Z.vex e Chase Bliss Audio criaram modelos limitados dentro de uma campanha promocional do filme.

O badalado documentário “Pedal Movie” estava originalmente previsto estrear em 2020, acabando pro ser adiado. Já em Novembro desse ano surgiram novos detalhes sobre o filme, acompanhados de acções promocionais que envolveram novos pedais criados em colaboração com a EarthQuaker Devices e a Death By Audio, além da Chase Bliss Audio e a Zvex. Estas acções acabaram por ter um efeito contrário ao pretendido e levaram mesmo a Chase Bliss Audio a tomar uma posição firme em relação a modelos de edição limitada. Ainda assim, com o anúncio de uma nova previsão de estreia do “Reverb Pedal Movie” (apontado a Março ou início de Abril de 2021), a Chase Bliss tornou a associar-se ao Reverb.com e à promoção do documentário com um novo modelo especial, tal como fizeram a Zvex, Walrus Audio and Way Huge.

A Chase Bliss criou uma nova fornada dos modelos originais de edição limitada Bliss Factory, modelo de colaboração com a Zvex, agora com um novo visual. Este pedal fuzz apresenta-se com controlos de volume, drive, gate, compression, stab e low pass filter. Há ainda toggle switches para determinar a espessura do som, o carácter do filtro e o comportamento da entrada MIDI/footswitch auxiliar. Na melhor tradição das stompboxes da Chase Bliss, todas as definições podem ser arquivadas em presets, mapeados ou controlados através de pedal de expressão. Para gerir tudo isto há um controlo digital no centro do pedal, no entanto a via de sinal é mantida 100% analógica. Estão disponíveis também alternadores que permitem ajustar o comportamento da operação digital.

Depois, o pedal exclusivo da Walrus Audio é o modelo dual-drive Warhorn/Ages, que combina as duas reputadas unidades de drive da marca num único pedal. No lado do Warhorn surge uma overdrive bastante transparente com opções de clipping simétrico ou assimétrico. No lado Ages há cinco modes de operação que variam entre low-gain e high-gain. O mesmo dizer que podem ir progredindo a partir de uma distorção bastante atenuada, para a maior chafurdice possível, sempre com a elegância de som de componentes de alta qualidade, naturais num modelo boutique.

A proposta da Way Huge passa apenas por uma actualização visual a dois dos seus mais emblemáticos pedais de distorção. O Beer usa o mesmo circuito do Saucy Box ou seja, oferece sons de drive aproximados aos de amplificadores, graças a discretas vias de sinal limpo ou distorcido. E o Effect Pedal recorre ao circuito do Swollen Pickle Fuzz – uma unidade fuzz tão  simples como poderosa, com os seus parãmetros de loudness, sustain e filter e ainda os controlos de scoop e crunch.

Enfrentamos tempos de incerteza e a imprensa não é excepção. Ainda mais a imprensa musical que, como tantos outros, vê o seu sector sofrer com a paralisação imposta pelas medidas de combate à pandemia. Uns são filhos e outros enteados. A AS não vai ter direito a um tostão dos infames 15 milhões de publicidade institucional. Também não nos sentimos confortáveis em pedir doações a quem nos lê. A forma de nos ajudarem é considerarem desbloquear os inibidores de publicidade no nosso website e, se gostam dos nossos conteúdos, comprarem um dos nossos exemplares impressos, através da nossa LOJA.
EGITANA