Roland Fantom Series

Roland Fantom Series

Redacção

Os novos teclados expansíveis da Roland oferecem ritmo de trabalho fluído, operação Modeless e integração profunda com computadores, entre muitas outras características.

A Roland estreou novos modelos na gama FANTOM, uma nova série de teclados profissionais para produção musical e concertos. Desenvolvidos do de raiz para músicos modernos, os modelos FANTOM 6, FANTOM 7 e FANTOM 8 de próxima-geração combinam as mais recentes tecnologias de sintetização da Roland com operação fluída, um ecrã táctil colorido e intuitivo e integração profunda com computadores. Os instrumentos FANTOM também oferecem toque soberbo e incluem uma construção resistente, preparada para as exigências de uma vida na estrada.

O FANTOM 8, FANTOM 7 e FANTOM 6 são disponibilizados em Setembro por $3,999.99, $3,599.99 e $3,299.99, respectivamente. Em press, a Roland apresenta os synths:

«Os teclistas profissionais dos dias de hoje necessitam de um instrumento versátil para compor e tocar música ao vivo, sem bloqueios criativos a atrasar o desenvolvimento. Também necessitam de integração perfeita com ambientes baseados em computador, que são actualmente o pilar das configurações modernas em palco e estúdio. O FANTOM foi projectado para corresponder a todas estas necessidades e muitas mais, oferecendo aos músicos um novo tipo de hub criativo para realizar ideias e acelerar ritmos de trabalho como nunca».

Uma funcionalidade chave no FANTOM é o seu interface modeless, que transforma as limitações técnicas e a operação confusa num problema do passado. Os músicos nunca vão precisar de se preocupar com a compatibilidade das funcionalidades nos diferentes modos — o FANTOM está sempre em modo criativo, providenciando uma experiência de trabalho consistente em todos os cenários musicais. E com os espaços de trabalho denominados Scenes, o instrumento pode ser completamente personalizado e reconfigurado instantaneamente para diferentes composições e configurações de performance.

A fonte sonora flexível e expansível do FANTOM potencia décadas de pesquisa e desenvolvimento, providenciando uma gama infinita de sons electrónicos, acústicos e híbridos inspiradores e autênticos. Os músicos podem combinar diferentes tecnologias de sintetizador em conjunto com o filtro analógico interno para a criação de sons novos e incomuns. Também existe uma enorme selecção de efeitos disponível para intensificar sons individuais e processar misturas inteiras. Com a potente fonte DSP do FANTOM, os músicos podem focar-se na música, sem se preocuparem com o processamento de potência. É possível reproduzir todas as 16 partes com todos os efeitos disponíveis de uma vez, com full patch remain para transições perfeitas. Nunca vão existir dúvidas sobre o número de efeitos disponíveis, ou se os sons podem ser trocados suavemente sem limitar patches complexas.

Os modelos FANTOM oferecem toque excepcional e compatibilidade com aftertouch através dos melhores teclados Roland de sempre, incluindo o aclamado PHA-50 no FANTOM 8 de 88-teclas e o novo SK-14 no FANTOM 7 de 76-teclas e no FANTOM 6 de 61 teclas. Em adição ao interface de ecrã táctil colorido, existem inúmeros knobs e sliders para controlo intuitivo e imediato, além de uma secção dedicada de sintetizador com controlos de oscilador, filtro e envelope.

O FANTOM é uma plataforma de composição musical completa, carregada com opções criativas para construir arranjos de forma rápida. As ferramentas disponíveis incluem pads RGB, um sequenciador de patterns de estilo TR-REC clássico, gravação em tempo-real com edição em piano-roll e uma grid para gravação e lançamento de clips.

O FANTOM destaca-se enquanto instrumento independente, mas os seus poderes crescem significativamente quando é ligado a computadores, sintetizadores analógicos e outros equipamentos. DAWs e software de performance como o Logic Pro e o Mainstage da Apple podem ser operados a partir do ecrã táctil e controlos do painel, e instrumentos virtuais da Roland Cloud (ou outros) podem ser facilmente controlados e combinados com os sons internos do FANTOM. Também é possível conduzir sintetizadores modulares e analógicos a partir das saídas CV/GATE duplas.

Muito mais info e specs na Roland.