Sheryl Crow assina modelo de guitarra que apoia o alerta para o cancro da mama

Timóteo Azevedo

A Fender Custom Shop lançou uma edição limitada de guitarras com a colaboração de Sheryl Crow. A Limited Edition Sheryl Crow 1959 Custom Telecaster foi baseada num instrumento oferecido por um fã, após a artista e a sua banda terem visto a maior parte do seu equipamento roubado na preparação da primeira digressão a solo de Crow, em 1994. Um dos exemplares da série foi autografado e doado à National Breast Cancer Foundation [Fundação Nacional do Cancro da Mama] em virtude do National Breast Cancer Awareness Month, como parte de uma iniciativa que pretende aumentar a consciência para a realidade do cancro da mama.

O fã terá abordado Sheryl Crow no concerto em Backyard, Texas, e apresentou-lhe uma Telecaster de 1959 algo desgastada que considerava um substituto adequado para o material roubado. O jovem terá então dito que a guitarra tinha pertencido à mãe, que tinha sucumbido a um cancro mamário. Emocionada, Crow aceitou o instrumento, que permanece uma das suas guitarras favoritas até hoje.

“Tenho uma forte afinidade com esta guitarra”, declara Sheryl Crow. “Tem sido uma guitarra que sempre amei. Faz sentido, encaixa bem comigo e já teve vários dedos cheios de amor a tocar nela”. A própria Sheryl teve de superar um cancro na mama em 2006, o qual foi curado após cirurgia minimamente invasiva seguida de radioterapia.

O instrumento de Crow foi levado para a Fender Custom Shop e reproduzido meticulosamente, numa série limitada a 60 unidades. Quando confrontada com uma das réplicas, Sheryl Crow terá confundido a réplica com a original, e desde esse dia que a 1959 Custom Tele original está guardada em local seguro. Crow tem usado a réplica desde então.

A Limited Edition Sheryl Crow 1959 Custom Telecaster apresenta um corpo em amieiro [alder] com orlado no topo e costas, protegido por um pickguard de três camadas (menta-preto-menta). O braço em maple apresenta um perfil oval em “C” reminiscente do utilizado em meados da década de 1960. A escala em rosewood tem 25,5″ de comprimento, 21 trastes em estilo vintage e um raio simples de 7,25″. A pestana é esculpida de osso.

Na electrónica encontramos a configuração de duplo single-coil, com pickups Vintage ’63 Tele tanto na posição de ponte como na posição de braço. O circuito tem a mesma configuração de uma Telecaster moderna, com um selector de três posições (braço, braço-ponte, ponte), um potenciómetro para tom e outro para volume.

As ferragens têm um acabamento vintage, niquelado para a ponte de Tele em estilo vintage com três selas compensadas de bronze e cromado para as cravelhas. A guitarra tem apenas um acabamento, Faded Chocolate Sunburst  tricolor, selado por um lacada nitroceluloso.

A Limited Edition Sheryl Crow 1959 Custom Telecaster também inclui um estojo de edição limitada, certificado de autenticidade para a edição, palhetas, um alinhamento de concerto, passe de bastidores, pano de polimento e um certificado assinado por Sheryl Crow que conta a história da guitarra.

EGITANA