Squier Novo Trio de Guitarras Fender Special Run

Squier Novo Trio de Guitarras Fender Special Run

Redacção

A Squier revelou um novo trio de guitarras Fender Special Run (FSR), com alguns twists contemporâneos em modelos Mustang, Stratocaster e Telecaster.

As guitarras ainda não estão listadas no catálogo da marca, mas já se encontram disponíveis em alguns distribuidores. Os seus preços são tão convidativos como os acabamentos.

A Competition Mustang vale uns 170 paus, a HSS Strat em Seafoam Green vale uns 150 e em Sunburst custa mais uns dez euros. Já a Classic Vibe 60s Custom Telecaster custará à volta de 440 paus. Eis o quenos diz o press release…

Bullet Competition Mustang | Esta guitarra eléctrica de escala curta é um aceno aos modelos Mustang vintage, decorados com listas de corrida. A guitarra possui corpo em poplar e apresenta um braço em maple, com perfil C, uma escala de indian rosewood e dois humbuckers. Vem em dois acabamentos: Daphne Blue e Black, com listas laranja e dourada, respectivamente.

HSS Stratocaster | Corpo de poplar com três pickups que oferecem variedade de tonalidades. Há um humbucker na ponte, bem como single-coils Strat na posição do meio e do braço, peça de maple com perfil C e também com escala em rosewood indiano e trastes de médio jumbo. Vem em dois acabamentos: Sunburst de dois tons, com ferragem preta, e Seafoam Green, com ferragem branca.

Classic Vibe 60s Custom Telecaster | O último dos novos modelos Squier FSR é um Telecaster de estilo vintage com construção bolt-on. A Classic Vibe 60s Custom Telecaster apresenta um corpo de madeira de nato, brapço de maple e escala de rosewood indiano, além de pestana em osso genuíno. Nos pickups surge um par de bsingle-coils em alnico, com engenharia Fender para nos dar sons clássicos da Tele. A guitarra vem em dois acabamentos : Candy Tangerine e Candy Apple Green.

Enfrentamos tempos de incerteza e a imprensa não é excepção. Ainda mais a imprensa musical que, como tantos outros, vê o seu sector sofrer com a paralisação imposta pelas medidas de combate à pandemia. Uns são filhos e outros enteados. A AS não vai ter direito a um tostão dos infames 15 milhões de publicidade institucional. Também não nos sentimos confortáveis em pedir doações a quem nos lê. A forma de nos ajudarem é considerarem desbloquear os inibidores de publicidade no nosso website e, se gostam dos nossos conteúdos, comprarem um dos nossos exemplares impressos, através da nossa LOJA.
EGITANA