7

Cheap Girls – Famous Graves

Famous Graves

Popstock, 2014-05-13

EM LOOP
  • Slow Nod; Short Cut Days; Splintered
Hugo Tomé

Conjugar instrumentações minimamente potentes com melodias pop suficientemente convincentes, não só pode ser mais fácil, prático e conveniente, como, de certa forma, é atraente, competente e altamente abrangente.

Os Cheap Girls encaixam uma base rudimentar de técnica, estética e execução, em simples formas, recursos e métodos de produção. Com a habitual acessibilidade, mobilidade e particularidade do power pop, “Famous Graves” não destoa o jeito e conceito do estilo aplicado desde “Find Me A Drink Home”. É polido, descontraído e soa bem. Conserva todos os arranjos e composições com muito mais sobriedade do que estardalhaço, acondicionando guitarras e vocais com muito mais honestidade do que espalhafato. E, de facto, “Famous Graves” acrescenta pouco mais do que uma insistência na tendência e eficiência dos registos anteriores, mas tudo bem.

Os Cheap Girls pouco inovam, é certo. Porém, antes isso que pior.