7

Curtis Harding

Face Your Fear

ANTI-, 2017-10-27

EM LOOP
  • On and On
  • Need Your Love
  • Ghost of You
Hugo Tomé

Fazendo uma rápida retrospectiva ao passado recente, não será difícil encontrar nas listas dos melhores lançamentos anuais da generalidade da empresa musical (incluindo a Arte Sonora) um disco como “Soul Power”. O disco de estreia do músico e compositor Curtis Harding, não só foi exímio na fusão de diferentes estilos e recursos musicais, como, em 2014, apresentou um cantor e multi-instrumentista repleto de soul.

Este álbum assume a soul como principal expressão musical de Curtis Harding.

E por falar em soul, podemos afirmar “sem medos” que o recém-chegado “Face Your Fear” não é um disco tão “catchy”, surpreendente e eclético quando comparado com o seu antecessor.

Neste novo lançamento, Curtis Harding já não percorre os mesmos trilhos de blues, funk e rock ‘n’ roll como em “Soul Power”, virando quase exclusivamente o foco para aquele que define como sendo o seu principal caminho, a soul. A soul que, neste particular contexto, não se resume apenas à pureza de um género musical que na voz e método do músico de Atalanta é sempre tão setentista, quanto progressista. A soul que, neste particular contexto, significa antes uma nova caminhada, assumidamente, mais uniforme, obscura e regrada. Um novo disco mais homogéneo, discreto e fechado.

Depois de “Soul Power”, fazer melhor não era fácil.