CUT COPY @ COLISEU DOS RECREIOS [23.03.2011]

Tânia Ferreira

Esta 4ª feira, 23 de Março de 2011, já estava destinada a ficar na história e a visita dos Cut Copy veio como que celebrar esse facto ou, pelo menos, fazer esquecer por uma hora e vinte a realidade que assola, segundo os telejornais, o nosso país governante. Mas desta vez ninguém caiu da cadeira, talvez tenha havido excesso de tráfego no computador Magalhães.

Eram cerca de 22h. E Lisboa fez um reset momentâneo, celebrou a visita em tons de boa-nova e deixou-se ir até à Austrália através de “Zonoscope”. O ambiente era uma espécie de pós-revolução, ao contrário do habitual foi permitido beber dentro da sala, logo o fumo surgiu inevitável, mas tudo dentro da lei e ordem que a democracia implica. Um concerto centrado no mais recente trabalho, mas com momentos de passagem pelo anterior “In Ghost Colours”, sempre com uma entrega e descarga de energia em todas as músicas e uma constante interacção com o público, foi sem dúvida um excelente concerto. Por todos os motivos directa ou indirectamente ligados ao concerto, saiu toda a gente feliz do recinto.

E nisto guardo a esperança de que o próximo governo faça um cut-copy menos desagradável. Quanto aos verdadeiros Cut Copy, que vão estar no fim-de-semana em Miami, fizeram questão de dizer a nós, em privado, e depois em público, que Lisboa era o sítio preferido do mundo onde gostavam de estar, desejar que voltem sempre. Definitivamente, um não à crise.

SETLIST

Visions/Nobody’s Lost

Where I’m Going

So Haunted

Corner In The Sky

Lights And Music

Take Me Over

Pharaos And Pyramids

Saturdays

Hearts on Fire

Sun God

Need You Now
Out There On The Ice