8

The Feelies

In Between

PIAS Ibero América, 2017-02-24

EM LOOP
  • Gone, Gone, Gone
  • Time Will Tell
  • In Between (Reprise)
Hugo Tomé

Frequentemente ouvimos dizer (ou dizemos a nós mesmos) que os quarenta são os novos vinte. Será uma engenhosa invenção ou um exercício de mentalização de quem passa por esse estado e condição.

In Between revela um aprimorado sentido harmonioso na fusão de referências como Neil Young ou Lou Reed

Mas a verdade é que os quarenta têm tudo para ser a fina-flor da mistura e equilíbrio entre o crescimento e a maturação, a irreverência e a ponderação. E se para tal consideração for necessária confirmação, os The Feelies confirmam-no, sem dúvidas ou contestação.

Mais aprimorados e sensatos que nunca. Ao fim de quarenta anos desde a sua formação e cinco discos de longa-duração. Os The Feelies reaparecem munidos de saúde, boa forma e disposição. “In Between” é um agradável passeio por harmonias e simetrias, na sua maioria, direccionadas por uma caprichosa conjugação de guitarras acústicas à Neil Young, voz serena à Lou Reed e modelo refinado à Velvet Underground. Com isto, os The Feelies não deixam nunca de ser puros e genuínos, íntegros e fidedignos.

Não fossem os quarenta serem os novos vinte. Não estivessem os The Feelies bons para as curvas, bons para futuro.