7

Thomas Cohen

Bloom Forever

PIAS Ibero América, 2016-05-06

EM LOOP
  • Honeymoon
  • Bloom Forever
  • Country Home
Hugo Tomé

Se é verdade que, anteriormente, dissemos que há discos cuja imagem anuncia, quase de imediato, um bom presságio, também é verdade que há discos como “Bloom Forever” – o primeiro disco a solo do cantor/compositor britânico Thomas Cohen – que não fazem parte desses exemplos. Posto isto, o melhor é ir directo ao que mais importa e o que mais importa é a música.

São notas, letras, melodias e composições que libertam solos penetrantes, vocais purificantes, saxofones e pianos volantes.

Música que em “Bloom Forever”, ao contrário da sua primeira imagem, é séria, pessoal e intrínseca. São notas, letras, melodias e composições que libertam solos penetrantes, vocais purificantes, saxofones e pianos volantes. É a graciosidade, a tranquilidade e o detalhe como Thomas Cohen aborda a vida, a morte, a perda, a família e o amor. O amor por onde “Bloom Forever” revela todas as emoções e sensações. O amor por onde Cohen mostra a sua verdadeira imagem, expressão e interior.

Mais que um disco íntimo, puro e honesto. “Bloom Forever” é um disco sério.