ID NO LIMITS 2020: Rejjie Snow, Kindness ou Ezra Collective entre as primeiras confirmações

ID NO LIMITS 2020: Rejjie Snow, Kindness ou Ezra Collective entre as primeiras confirmações

Redacção

Em Abril de 2020, o ID NO LIMITS volta a tomar conta do Centro de Congressos do Estoril, tendo confirmados os primeiros artistas do cartaz: Rejjie Snow, Kindness, Ezra Collective, Moses Boyd e Coucou Chloe.

O foco continua a incidir sobre a actualidade da música electrónica e urbana, assim como a ligação às artes e tendências contemporâneas. O código do festival foi revelado em 2019 e no próximo ano a matriz é reforçada e actualizada no que à música contemporânea diz respeito.

Os géneros musicais esbatem-se entre si e o hip-hop é mesclado com jazz, assim como a eletrónica serve de pano de fundo às mais variadas referências de BPM. O festival revela um olhar acutilante sobre aquilo que é criado em Portugal em termos culturais e convida nomes internacionais a apresentar a sua música num espetáculo que acolhe a vanguarda da arte urbana.

REJJIE SNOW, cresceu em Northside de Dublin, onde não havia cena musical para se falar. Mora onde quer que suas músicas o mandem, criando mundos e palavras entrelaçadas em nós complexos entre loops chuvosos, teclas tecnicolor e percussão, trazendo ao público o seu hip-hop inconfundível. As suas influências vão de George Michael a Charles Bukowski.

KINDNESS, também conhecido por Adam Bainbridge, lançou recentemente o terceiro álbum “Something Like A War”. Depois de datas esgotadas em Nova York, Los Angeles, Paris, Berlim e Londres, o músico e produtor traz para a pista a energia de vários estilos músicas, como o queer, o house music vocal e o funk. “Cry Everything” é o seu mais recente single e promete aquecer as pistas de dança do ID NO LIMITS.

EZRA COLLECTIVE, como é identificado o coletivo, é sinergia em movimento. Vindos de Londres trazem ao ID NO LIMITS o jazz clássico, celebrando os criadores e, simultaneamente, criando um caminho exclusivamente deles. Os Ezra Collective focam-se nos delicados aspectos técnicos da música jazz com afrobeat e hip hop, criando um som inconfundivelmente londrino. Ao vivo são uma união dinâmica, tornando as duas actuações imponentes, mas sensíveis, com storytelling.

MOSES BOYD, baterista, compositor e produtor. É o vencedor do 2X MOBO Awards, destinatário do John Peel ‘Play more Jazz Award’ do Gilles Peterson Worldwide Awards em 2016. Recebeu ainda o prémio em 2014 pela companhia de música jovem, como músico de jazz do ano. Moses trabalhou e colaborou com nomes como Lonnie Liston Smith, Ed Motta, Little Simz, Four Tet, Floating Points, Sampha, Zara McFarlane, Gilles Peterson e muitos outros. Moses lança também músicas através da sua própria label Exodus Records, e mais recentemente, tornou-se residente na BBC Radio 1xtra.

COUCOU CHLOE, Erika Jane, dj, produtora e vocalista francesa, que vive actualmente em Londres. Em 2016 lançou o seu EP de estreia Halo, que incluía a faixa “Doom”, que fez parte da banda sonra do desfile Fenty x Puma de Rihanna na New York Fashion Week. O ritmo de Coucou Chloe cruza batidas sensuais e lentas com beats de hip-hop, trazendo às pistas de danças uma seleção musical extasiante.

O ID NO LIMITS realiza-se a 3 e 4 de Abril no Centro de Congressos do Estoril. O bilhete diário custa 40€ e o passe de dois dias tem um preço de 35€ até final de Dezembro, aumentando gradualmente até Abril de 2020.