Peles – International Drum Fest invade Guimarães e Famalicão em Outubro

Peles – International Drum Fest invade Guimarães e Famalicão em Outubro

Redacção

Famalicão e Guimarães vão receber, entre os dias 1 e 4 de Outubro, o Peles – International Drum Fest, um dos festivais temáticos mais emblemáticos do país e considerado a nível europeu um dos mais promissores do género. Este ano são quatro concertos em formato livestream.

O festival Peles – International Drum Fest, que se foca em projectos que se distinguem essencialmente pelo cruzamento de linguagens musicais percutivas, vai este ano para a sua quinta edição, para a qual foram convidados projectos nacionais de relevo, da área da percussão, sempre com o intuito de incluir novos projectos com expressões artísticas diferentes que garantam uma maior diversidade e dinâmica, contando assim com bandas experientes e de qualidade reconhecida.

A programação foi desenhada para trazer ao público um conjunto de quatro concertos que se caracterizam pela capacidade de aglutinar nesta edição o que de melhor se tem feito em Portugal na área da percussão.

A situação pandémica não foi esquecida e, com um objectivo social, o festival cria este ano um concerto que vai permitir que uma grande parte dos solistas portugueses possam passar pelo festival: “Ronda dos Mafarricos” é um concerto com a duração de oito horas e que vai acolher 16 dos mais conceituados percussionistas portugueses, em que cada um irá dispor de cerca de 30 minutos de performance a solo.

Considerando a evolução da pandemia, a direção artística do Peles optou pela realização desta edição totalmente em streaming e sem presença de público, o que permite a realização do festival mantendo todas as regras de segurança e cumprindo as normas estabelecidas pela DGS.

Programa:

1 de Outubro

Atlantic Percussion Group

Projecto interactivo, onde o cruzamento das várias linguagens percutivas é uma constante, fazendo com que as suas produções nos transportem em viagens sonoras pelo imaginário humano. Exibem assim um novo mundo que respira e está repleto de cores, sons e sensações que ecoam por toda a matéria. José Afonso Sousa e Tomás Rosa (Atlantic Percussion Group), convidam Ricardo Coelho e Zé Stark e apresentam-se como quarteto.

Local: CLAV – Centro e Laboratório Artístico de Vermil

Horas: 21h30

Live Streaming

2 de Outubro

Ronda dos Mafarricos

Concerto com oito horas de duração que irá acolher 16 dos mais conceituados percussionistas portugueses (Tomás Rosa, Ricardo Coelho, Vítor Castro, Paulo Pontes, Jorge Lima, André Dias, André Nadais, Alexandre Silva, Tiago Ferreira, João Pedro Lourenço, Fábio Mota, Daniel Araújo, Zé Stark, Jonathan Silva, Beatriz Martinho, Riques Ramos) e cada um irá dispor de cerca de 30 minutos de performance a solo.

Local: CLAV – Centro e Laboratório Artístico de Vermil

Live Streaming

3 de Outubro

RePercussion Trio

Grupo que surgiu em 2016, composto por Alexandre Silva, Daniel Araújo e Jorge Pereira e que tem vindo a demonstrar versatilidade a nível artístico e performativo, abordando diversos tipos de repertório, desde o mais emblemático e tradicional ao cénico.

Local: Espaço Fauna – V.N. de Famalicão

Hora: 21h30

Live Streaming

4 de Outubro

Pulsat Percussion Group

Fundado em Março de 2012, este grupo procura promover a música contemporânea para percussão, com recurso a novas abordagens da experimentação. Foi desde logo premiado com o 2.º lugar no Prémio Jovens Músicos, na categoria de Música de Câmara, nível superior, seguindo-se o 2.º prémio no III Concurso Internacional de Música de Câmara Cidade de Alcobaça (CIMCA), em 2013.

Local: Espaço Fauna – V.N. de Famalicão

Hora: 18h00

Live Streaming

EGITANA