Kurt Vile & The Violators em Lisboa

Kurt Vile & The Violators em Lisboa

Redacção

Kurt Vile está de regresso a Portugal ao lado dos The Violators para um concerto único. A actuação de dia 24 de Novembro no Armazém F irá passar em revista o aclamado “Wakin On A Pretty Daze” e levantar a ponta do véu do próximo álbum de originais a ser lançado no final do ano.

Considerado um dos grandes guitarristas e compositores americanos dos últimos anos, Kurt Vile desenvolveu uma astúcia invulgar quando na adolescência agarrou no banjo oferecido pelo pai para de forma autodidata aprender a tocar guitarra. Inspirado por figuras incontornáveis do lo-fy como Beck, Pavement e Smog, e por vultos clássicos como Petty, Creedence e Neil Young, o músico nascido em Filadélfia começou a gravar os primeiros temas entre 2003 e 2007 dando origem a “Constant Hitmaker e God Is Saying This To You…”, trabalhos que desvendaram os contornos psicadélicos da sonoridade de Kurt Vile.

A estreia ao lado dos The Violators deu-se em 2009 com Childish Prodigy, lançado pela carismática editora Matador. Mais violento, experimental e com um rock mais intenso, este terceiro álbum de originais alavancou em definitivo a carreira de Kurt Vile. Seguiu-se “Smoke Ring For My Halo”, uma viagem nostálgica e contemplativa a antecipar “Wakin On A Pretty Daze”, obra-prima do rock sonhador, alternando dedilhados subtis com riffs duros.

A primeira parte do concerto fica a cargo de Waxahatchee, projecto indie de Katie Crutchfield que traz na bagagem o recente Ivy Tripp. Editado pela Merge Records, com arranjos instrumentais mais cuidados e apurados, este terceiro álbum de originais confirma em definitivo o raro talento de Crutchfield em transformar o medo e a dor em canções repletas de sinceridade e alegria desprendida.

Os bilhetes para o concerto de dia 24 de Novembro no Armazém F em Lisboa estão disponíveis a partir de dia 18, e podem ser adquiridos pelo preço de 20€.

EGITANA