AmpliTube Fender para aparelhos iOS é actualizada

AmpliTube Fender para aparelhos iOS é actualizada

Timóteo Azevedo

Foi anunciado em comunicado oficial por parte da IK Multimedia a actualização da aplicação AmpliTube Fender para iPad, iPhone e iPod touch. A versão 1.2 apresenta maior integração MIDI e melhoria nas capacidades de gravação e mistura.

A AmpliTube Fender já permitia que os músicos com aparelhos iOS tivessem acesso a emulações do som de amplificadores clássicos como o Fender ’59 Bassman, o ’65 Twin Reverb, o Super-Sonic, o ’65 Deluxe Reverb e o Pro Junior. Para além dos amplificadores, os utilizadores também tinham acesso a seis modelos de pedais da marca – Blender, Overdrive, Tape Echo, Phaser e Compressor.

A nova versão 1.2 permite uma integração MIDI completa, em que os músicos podem controlar a aplicação com controladores MIDI standard usando um interface MIDI para aparelhos iOS (como é o caso do iRig MIDI da própria IK Multimedia). Os utilizadores ficam livres para continuar a tocar, controlando as alterações apenas a partir do seu controlador de MIDI. Qualquer controlador pode ser usado para definir os parâmetros ou escolher presets na AmpliTube Fender. Esta função está disponível como uma adição comprada dentro da própria aplicação, mas é gratuita para utilizadores o iRig MIDI.

A pedido dos utilizadores, a AmpliTube Fender passa a conseguir trabalhar com interfaces de áudio compatíveis com aparelhos iOS. Outras novidades incluem:

– Compatibilidade com todos os interfaces de entrada e saída de áudio que utilizam um conector de 30 pinos compatíveis com aparelhos Core Audio standard.

– Secção de gravação redesenhada que passa a incluir a função de loop, um novo metrônomo visual e um botão de recomeçar a contagem de tempo.

– Nova secção de mistura adicionada ao interface de gravação com controlo mais fácil sobre volume de canal, send de master reverb, panorâmica, botões de solo e mute e um botão de efeitos para aplicar a cadeia de sinal do AmpliTube a canais individuais. Uma função que permite fazer “re-amp” das faixas e experimentar diferentes timbres com material já gravado.

– Nova função de cortar/colar material áudio a partir da aplicação para outras ou para importar para áudio para dentro da AmpliTube Fender, desde que as outras aplicação também tenham esta função. Também permite copiar o conteúdo de um canal para o outro.

– Uma função de restauro de aquisições dentro da própria aplicação que facilita o processo de actualização aos utilizadores.

– A capacidade de exportar e partilhar áudio através do SoundCloud ou FTP, acrescentadas às actuais funções de exportação para email e partilha de ficheiros.

– A actualização do interface gráfico para tirar partido da resolução mais elevada dos ecrãs Retina equipados nos iPhones e nos novos iPads.

A AmpliTube Fender 1.2 encontra-se disponível para download na App Store, versão iPhone/iPod touch e versão iPad. A actualização é gratuita para os anteriores utilizadores da AmpliTube Fender, custando 11,99€ para novos utilizadores. Também está disponível uma versão gratuita da aplicação que apresenta uma escolha limitada de modelos e equipamentos.

Encontra mais informação sobre outras aplicações na Arte Sonora #26!

EGITANA