Gary Holt, ESP Sangrenta

Gary Holt, ESP Sangrenta

Nero

O guitarrista Gary Holt, que ocupou o lugar sacrossanto de Jeff Hanneman nos Slayer, deu literalmente o litro pelo seu novo modelo ESP de assinatura.

Não foi exactamente um litro de sangue, mas Gary Holt recolheu 18 frascos, a rondar os 200ml, para criar a guitarra. A meio da sua actuação na NAMM 2016, na booth ESP, o guitarrista convidou o artista Vincent Castiglia a juntar-se-lhe para mostrar um trabalho especial. Uma ESP Eclipse de assinatura de Holt e com o seu próprio sangue usado no acabamento!

Gary Holt que extraiu o sangue após um concerto de Slayer em Long Island, Nova Iorque, apenas contemplou o resultado final quando a guitarra foi revelada no seu evento na NAMM. Vincent Castiglia confessa: «Esta peça é histórica pois, pelo que sei (e pelo que o Google sabe) é a primeira guitarra funcional criada [o acabamento] totalmente com o sangue do músico».

Mais fotos (de Nathaniel Shannon) na ESP.