7

LCD Soundsystem

American Dream

Sony Music, 2017-09-01

EM LOOP

    Oh Baby
    Call The Police
    American Dream

Hugo Tomé

Tudo tem um fim, nada é interminável, e saber sair na altura certa pode significar uma mais valia e uma virtude difíceis de encontrar. Depois de em 2010 os LCD Soundsystem terem anunciado o seu “fim” para uma numerosa legião de seguidores a chorar baba e ranho. A turma de James Murphy está de regresso com o quarto disco de estúdio, o recém-chegado “American Dream.

Afastados desde o tempo em que canções como “Daft Punk Is Playing At My House”, “North American Scum” e “All My Friends” chamaram a atenção daquilo a que se pode chamar uma espécie de “indie mainstream”. Os LCD Soundsystem aproveitaram o hiato para voltarem a assentar as ideias rock/punk/funk/electrónicas que sempre fizeram parte das suas influências e génese. “American Dream é consideravelmente menos festivo e sociável que a toada alcançada pelos exemplos mencionados anteriormente. E à excepção de “Call The Police”, a canção mais apelativa e radiofónica do disco. Os LCD Soundsystem voltam a recuperar as guitarras, baixos, sintetizadores e letras mais afincas e acutilantes. O mesmo que dizer, voltam a recuperar a personalidade, a magia e a doce melancolia de quem passou longas noites nas pistas.