9

The Roots

Undun

Def Jam, 2011-12-02

Redacção

Com 25 anos de história musical, os The Roots chegam à “raiz das raízes” ao 13º álbum de originais e com a mesma frescura do primeiro dia. O início do disco é feito quase em slowmotion, as palavras surgem como ordens, protestos e direções. Tudo normal até aqui. Algumas faixas depois começam a sentir-se os sinais do tempo, mas a identidade não se altera e é quase normal soar tão bem.

O tema “Lighthouse” será o expoente máximo da simplicidade de construção das músicas, da dupla Black Thought/Questlove de volta aos primórdios, fazendo canções sobre fazer qualquer coisa a partir do nada, da liberdade e todos os valores universais. Com bastantes convidados, e de áreas distintas, destaque para Sufjan Stevens num álbum com histórias de sobrevivência, baseado num personagem que escolhe a vida de menor esforço, de dinheiro fácil e crime – um oposto dos contos de fadas ou a realidade mais escolhida nos, cada vez mais, ghettos do mundo. A certo ponto podemos especular se esta não será uma realidade alternativa da dupla, a sua própria história, quem sabe, se não tivessem vingado no meio musical.

No final, “Undun” é um hino ao livre arbítrio e, ao seguir da intuição, torna-se a raiz das raízes de uma banda mítica do universo hip hop.

Por Joaquim Martins