5 instrumentos que são mais antigos do que pensavas

5 instrumentos que são mais antigos do que pensavas

Timóteo Azevedo

Sabias que o primeiro instrumento electrónico foi criado ainda no século XIX, e que há flautas com 43 mil anos?

Após termos publicado cinco instrumentos que são mais recentes do que aparentam ser, fazemos o caminho em sentido inverso e apresentamos cinco instrumentos que são mais antigos do que provavelmente julgavas.

 

EVI Steiner

O EVI (Electronic Valve Instrument) é um dispositivo que combina a estrutura de um instrumento de sopro com um sintetizador. Tem três válvulas, como se fosse uma espécie de trompete electrónico.  Foi criado em 1975 por Nyle Steiner, e permite uma dinâmica e expressão ímpar no mundo dos instrumentos electrónicos.

 

Drum Machine (Caixa de ritmos)

32rhythmicon

Se acham que as primeiras caixas de ritmos foram os Roland 808 dos anos 80, estão umas décadas enganados. A pedido do compositor norte-americano Henry Cowell, o Rhythmicon foi criado em 1932, com a colaboração do russo Léon Theremin. O dispositivo podia produzir até dezasseis ritmos diferentes, mas não teve grande aplicação prática na altura, vindo a ser esquecido.

 

Theremin

Este estranho instrumento, que, apesar de ser um sintetizador, ainda hoje continua a parecer um instrumento vindo do futuro, foi na realidade um dos primeiros dispositivos musicais electrónicos, criado em 1920,  também por Léon Theremin. É tocado sem ser necessário tocá-lo. Literalmente. Tem duas antenas que através de osciladores emitem frequências à medida que as mãos se agitam em seu redor, controlando a frequência e a amplitude. Podemos reconhecer o seu som em algumas bandas sonoras de filmes sci-fi de meados do século passado, como o clássico de 1951, “O Dia Em Que a Terra Parou”.

 

Sintetizador

Teleharmonium1897

Apesar de começarem a ganhar a forma que conhecemos hoje apenas em meados do século XX, um dos seus precursores foi criado em 1887. O Telarmónium, o primeiro instrumento electrónico do mundo, foi inventado por Thadeus Cahill nos Estados Unidos da América, e funcionava com “rodas tonais” que geravam som através de campos electromagnéticos (o mesmo sistema foi utilizado mais tarde nos famosos orgãos Hammond). O primeiro Telarmónium pesava sete toneladas, tendo sido construídos apenas três modelos, sendo que os dois últimos, pesavam perto das duzentas toneladas. Thadeus Cahill queria utilizar o instrumento para emitir música para hóteis, restaurantes e lares através da linha telefónica. Alguns concertos chegaram a ser emitidos desta forma.

 

Flauta

bird-bone-flute

H.Jensen (C) University of Tubingen

Saindo da electrónica, e numa escala completamente diferente, vamos para a pré-história. Nos últimos anos foram descobertas na Alemanha flautas feitas de ossos de pássaro e marfim de mamute, que foram datadas com a idade de 43 mil anos. Ou seja, muito perto do período de tempo que se estima onde o ser humano como o conhecemos hoje se começou a espalhar pela actual Europa. Um sinal que a música acompanha o Homem quase desde que é Homem.

FENDER