8

Bruna Mendez

O Mesmo Mar Que Nega A Terra Cede À Sua Calma

Falante Records, 2016-07-05

EM LOOP
  • Calor, Sol e Sal
  • Agradecer
  • Meu Bem
Hugo Tomé

Há música para tudo. Há música de todos os estilos, formas e feitios. Há música para todos os gostos, desejos e momentos. E se o clima for de sensibilidade, romance e abertura sentimental, não é preciso procurar mais o que ouvir. Bruna Mendez acaba de lançar o disco ideal.

“O Mesmo Mar Que Nega A Terra Cede À Sua Calma” é o primeiro disco de longa-duração da cantora de Goiânia que, para quem não conhece, é a terra que nos últimos tempos lançou nomes como Boogarins, Carne Doce ou Kastelijns. É um disco complexo, intrínseco e reflectivo. Um disco nostálgico, tranquilo e bonito. Bruna Mendez pegou naquela velha escola de música popular brasileira, que facilmente apela ao bom gosto e sentidos, e deu voz (e que voz) a uma enorme declaração de sentimentos carregados de segredos, emoção e doces melodias.

“O Mesmo Mar Que Nega A Terra Cede À Sua Calma”. E a mesma terra que inspira talento e categoria exporta, uma vez mais, boa música.