Um segundo de amor com Rita Redshoes

Um segundo de amor com Rita Redshoes

Nero

O terceiro álbum de originais é o melhor de Rita Redshoes? Um grande disco é de certeza. A Dorothy portuguesa abriu o coração à Arte Sonora para falar de “Life Is A Second Of Love”.

Depois de dois álbuns espaçados apenas por dois anos, Rita Redshoes passou quatro a trabalhar no seu terceiro disco de originais. Para a Arte Sonora, este é o seu trabalho mais maduro, mais rico em arranjos e, por inerência, mais musical. Arranjos de cordas sublimes, uma dinâmica charmosa e até algo de Beatles. Pelo meio de um intenso trabalho em estúdio(s), na Valentim de Carvalho gravou com um dos micros de museu – o que captava a voz de Amália Rodrigues. Genuína e simples, Rita Redshoes falou-nos de todo o processo de composição e gravação de “Life Is A Second Of Love”. Simpática, deixou-nos captar o seu soundcheck no concerto de apresentação do álbum, no Lux, em Lisboa.